Literatura

CARLOS ALMEIDA

Carlos Almeida nasceu em Lisboa em 1960, criado em Santa Cruz da Trapa, “aperfeiçoado em Viseu”, onde reside desde 1987.

Licenciado em História, pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, em 1983, foi em Santa Cruz da Trapa (de onde é natural) que se iniciou nas lides culturais e nas artes plásticas, sendo um dos fundadores das associações culturais ARCA (Sta. Cruz da Trapa) e Gicav – Grupo de Intervenção e Criatividade Artística de Viseu, onde tem colaborado como Diretor do Festival Internacional de Banda Desenhada de Viseu (desde a década de 80).

Iniciou, em 1980, a sua atividade nas áreas do Teatro de Formas Animadas, com o encenador e ator João Paulo Seara Cardoso, em ação de formação no Porto, após o que ajudou a lançar vários grupos de Teatro de Bonecos (Arca Mágica, Companhia Faz de Conta, …).

Durante mais de uma década, foi encenador e ator da Companhia Faz de Conta (Gicav), Marionetas de Viseu.

Desempenhou durante alguns anos funções técnicas e de animador cultural no Faoj/IPJ- Viseu; período durante o qual realizou formação multicultural, projetos culturais e de intercâmbio, em países como Áustria, Eslováquia e Hungria. Foi dinamizador de diversos programas de intercâmbio associativo com Grécia, França, Itália, Bélgica e, internamente, em Portugal (Viseu e Madeira).

Lecionou no Instituto Jean Piaget de Viseu, entre 1999 e 2006, na área da Construção de Formas Animadas (fantoches/marionetas) para os cursos do Ensino Básico (variantes de Ed. Física, Ed. Musical, Ed. Visual, educadores de infância e docentes do 1.º Ciclo).

Lecionou História e Educação Cívica na Escola Básica do 2.º e 3.º ciclos do Viso – Viseu, com funções de coordenador de projetos no agrupamento (1700 alunos), desde 2003, com diversos projetos em dinamização – Tertúlias temáticas (trimestrais); Plano anual de exposições temáticas; Programa Parlamento dos Jovens; Programa Promoção e Educação para a Saúde.

Possui obras artísticas em coleções particulares (Lisboa, Porto, Coimbra, Algarve, Viseu, Pombal, Tramagal, Peniche, Mafra, Carregal do Sal, S. Pedro do Sul, Avanca, …) e no estrangeiro (Argentina, Espanha, França, Grécia, Áustria, Canadá e EUA…).

Apresentou exposições em Lisboa, Castelo Branco, Tramagal, Óbidos, S. Pedro do Sul, Nelas, Carregal do Sal, Santa Comba Dão, Penalva do Castelo, Tondela, para além de variadas mostras individuais e coletivas em Viseu, desde 1987 (III Salão Pintura da Feira de S. Mateus).

Outras facetas da sua atividade: animador cultural e dirigente associativo (Gicav), colaborador da revista Animarte e do jornal Terras do Baroso, cartoonista, artista plástico, escritor, criador, encenador e ator de marionetas, gastrónomo (Confraria dos Gastrónomos de Lafões).

Destaque

Histórias recolhidas de uma corrente infindável de prováveis acontecimentos típicos de uma qualquer urbe. Algumas das histórias inspiram-se na realidade do nosso quotidiano, outras poderiam ser verdadeiras.
Histórias que se desenvolvem em velocidade acelerada, como o batimento do coração no final de uma subida apressada da escadaria da torre sineira, como as breves tiras de banda desenhada de um periódico, como uma curta-metragem de um jovem realizador entusiasmado, como um breve mergulho em águas turbulentas, com a respiração suspensa.
Ao contar-vos estas histórias não vos peço que acreditem, apenas que as aceitem como pedaços da nossa humanidade, reflexos de deambulações pelas ruas e lugares da nossa existência, pinceladas de cores e sensibilidades que percorrem os lugares de cada urbe.
‘Mitos Urbanos’ tem prefácio do consagrado escritor português Fernando Dacosta e tem apresentação pública agendada para 13 de outubro em Viseu, pelas 17h, no Museu Nacional Grão Vasco.

Obra Literária

Contos

Actos de Necessidade
Histórias que chegam a ser comoventes … ou a redundância do passado
Histórias da Feira
GICAV – 20 anos de intervenção e criatividade
(coordenação)
Histórias do Mar
infantil (Vieira da Silva – Lisboa – 2016)

Poesia

Verso ante Verso
Alma Penada
Versos Concêntricos
editado pelas Edições Sagesse (Palimage)
Ode à cidade de Viseu
(Quartzo editora – 2013)
Santa Cruz da Trapa
Verso e Reverso (Quartzo Editora – 2013)
A Osmose do Ser
(Artelogy – Porto 2015)
Reflexos e Refúgios
(poesia ilustrada- Editora Exemplo – 2017)
Mentes Criminosas
contos/edições esgotadas (2017)
Mitos Urbanos
Contos (edições Esgotadas – 2018)

Participação em coletâneas

Poesia Contemporânea
Páginas Lentas (Gicav)
Antologia Poética Viseu 2011
Palavras (Com)sentidas
coletânea de contos (Vieira da Silva)
Antologia “O Olhar da Língua Portuguesa no Mundo”;
ConVersos
(Vila Poesia – St.ª Cruz da Trapa – 2018)
entre outras…

Concursos

Concurso Nacional de Poesia 2014
Jogos Florais Feira São Mateus e CM Tondela
Concurso Nau dos Sonhos da Ass. Portu. de Poetas – 1.º Prémio em 2017 e 2018

Colaborações

Coconut
Animarte – colaborador assíduo
publicações brasileiras (Miau / Gueto)
publicações norte-americanas (Revista Amar)

1,330 total views, 45 views today

Tags
Close
Close