Psicologia

A génese do sucesso profissional

Ao olharmos para a semente conhecemos o potencial nela existente. O seu ciclo de vida pode alcançar a floração e frutificação. Embora seja observável apenas o grão, nele reside muito mais do que a sua modesta aparência inicial. Assim como na natureza, tal fato ocorre no universo psíquico do homem. Ainda que não exista uma realização concreta de uma determinada ideia, com o tempo, ela pode vingar e florescer.

Ao analisar a história de pessoas que se sucederam bem na vida profissional, descobre-se que, via de regra, elas não faziam ideia sobre a dimensão do sucesso que atingiriam. E em vários casos, sequer conheciam o ramo do negócio a que se ligariam. É comum ouvir que não tinham noção acerca do que empreenderiam e nem quanto de êxito seria possível obter. Outras, todavia, estavam tão determinadas que apostavam em algum palpite. Mas erravam, iam além das suas predições.

Conhecemos grandes executivos de variadas companhias que um dia iniciaram sua carreira como office-boy ou desempenharam algumas funções que são as portas de acesso ao o mercado de trabalho. Sabemos de empresários brilhantes que deram os primeiros passos como vendedor de rua, atendente, engraxate, etc. Entraram com disposição, garra, persistência e determinação. Chegaram lá!

A génese do sucesso profissional está presente no ser humano, porém, pode permanecer apenas na forma da possibilidade indeterminadamente caso não haja vontade, terra fértil e cuidado. Gente bem sucedida que luta e vence, carrega consigo o germe da realização e da vitória. Creem nas chances de crescer e triunfar. Podem não saber exatamente que caminho será trilhado, mas o desejo de vencer está presente. Os motivos conduzem a uma jornada por vezes até desconhecida, mas capaz de construir, passo a passo, a concretização de cada etapa pela qual passam até atingir pontos até então “impossíveis”.

O que diferencia este tipo de pessoa das demais? Que fatores podem estar presentes na cabeça de alguém que se determina a ultrapassar o limite do comum? Há um facto convergente: querer mudar. A primeira motivação encontra-se na necessidade de transformação. Ficar parado não promove alteração. O motivo seguinte é o da predisposição. Então, deve-se estar disponível a muitas experiências para encontrar o caminho que leve ao sucesso: experimentar para escolher. Outro desejo é o de desenvolver a percepção e assim criar faro aguçado para as boas oportunidades. E ainda, considere-se a motivação de fazer dos inevitáveis obstáculos, impulso para superar a frustração e a desistência que sempre rondam a resistência daqueles que buscam o desenvolvimento. As dificuldades podem se tornar desafios estimulantes quando se têm razões para se vencer na vida. Tais fatores são essenciais nesta escalada.

Já se perguntou a respeito do próprio sucesso profissional futuro? Mesmo sem saber onde estará e principalmente o que fará, já desejou crescer e vencer? Será que apenas aguarda uma oportunidade, que pode passar longe, caso permita passividade e acomodação? O que de facto espera do porvir? Se o ser humano não encarar perguntas dessa amplitude, dificilmente as responderá à altura, concretizando-as com ações que o levem a patamares mais realizadores. Cada um segue conforme deseja.

O talento individual conta com a vontade própria para o sucesso. Eis um ponto de partida fundamental na vida de quem busca vitória, seja ela qual for. Dar os passos necessários e progredir. Portanto, “deixar como está para ver como fica” é uma falsa expectativa, cujos resultados já são bem conhecidos: repetição e marasmo. Quantas vezes você já procurou saber internamente se quer alcançar o sucesso? Ao investigar, talvez encontre o começo de uma jornada motivadora e cheia de bons resultados e surpresas interessantes. Depende de si!

Armando Correa de Siqueira Neto

11,655 total views, 3 views today

Redes Sociais - Comentários

Tags
Back to top button
Close
Close