Beleza & Moda

A Primavera numa cápsula

Criar um guarda-roupa cápsula é a melhor solução para quem tem uma vida muito ativa e pouco tempo para pensar no que vai vestir, um dia atrás do outro. Para além de poupar tempo, poupa dinheiro e espaço.

Este é um novo conceito de moda de consumo minimalista; ter poucas e boas peças que combinem entre si. Além de que ao investir num guarda roupa cápsula, as suas escolhas terão uma longevidade maior, pois serão pensadas nas suas verdadeiras necessidades que vão desde roupa de trabalho, lazer, viagem, casual, etc, de acordo com o seu estilo de vida e o tempo que passa em cada um deles.

Tenha em conta o seu “dress code” profissional, já que as peças vão migrar do seu estilo pessoal para o trabalho e terão de combinar entre si. A ideia é que o guarda-roupa cápsula tenha entre 30 a 40 peças.

Exemplo de um guarda-roupa cápsula composto por 37 peças para quem trabalhe num ambiente mais formal ou empresarial:

 

  • 15 peças de cima (tops acetinados, camiseiros e camisolas);
  • 9 peças de baixo (calças ou saias);
  • 2 vestidos;
  • 2 peças exteriores (casaco e blazer);
  • 9 pares de sapatos.

Deve escolher peças atemporais, mas isso não a impede que ínclua algumas peças que sejam tendência no momento, desde que as use com assíduidade.

Pegue numa peça de baixo e combine com pelo menos três de cima, com acessórios diferentes.

Aproveite para adicionar uma terceira peça: blazer, casaco ou gabardine; ficará com novas possibilidades. Adicione sapatos, botas, sandálias e vários tipos de carteiras, e verá o potencial do seu guarda roupa cápsula acontecer!

Como todas as peças combinam entre si ficará muito mais fácil compor e o mais importante: acabará por usar todas as peças e rentabiliza-las por mais vezes do que se tivesse um guarda-roupa cheio, onde levaria muito mais tempo a encontrar a escolha acertada.

Vantagens de seguir esta regra de que “menos é mais”; uma vez que ficará com menos roupa, mas com mais possibilidades nas conjugações que poderão resultar daí:

  • Menor produção de lixo e impacto ao meio ambiente, já que o guarda-roupa cápsula é sustentável uma que favorece o consumo consciente, contrariando a tendência fast fashion;
  • Menor perda de tempo a decidir o que vai vestir;
  • Mais facilmente manterá o guarda-roupa em ordem;
  • Poupará dinheiro em roupa, já que não vai ter necessidade por uns meses de adquirir, pelo menos por uma estação; por outro lado o que poupar, poderá voltar a investir numa peça de excelente qualidade para repor outra que retire pelo excesso de uso;
  • A maior vantagem do guarda-roupa cápsula é que a vai ajudar a encontrar voz na definição do seu estilo pessoal e isso vai transparecer na imagem que quer demarcar;
  • Finalmente, o acto de se vestir será mais criativo, rápido e divertido!

 

Chegadas à Primavera, deveremos dar uma volta ao armário e separar algumas peças que já tenham chegado ao fim dos seus dias ou que queiramos doar, por já não satisfazerem as nossas necessidades.

Uma vez que o guarda-roupa cápsula cumpre certas regras de cores básicas, como o camiseiro branco; o casaco camel; o blazer preto ou azul escuro; a saia e o vestido preto; as jeans azuis escuras; a Primavera dá-nos a oportunidade de juntar algum colorido que poderá alegrar um pouco os dias de trabalho.

 

Assim, invista em camiseiros de tecidos fluídos, em cores pastel ou tons fortes. As saias, podem ser estampadas e os vestidos, em tons suaves. Combine tudo com um blazer de uma cor energetica, como o amarelo ou o rosa. Se puder adquirir, basta uma peça ou duas desta estação, para dar uma outra vivacidade ao tons básicos e cinzentões do seu armário. Um adereço como um bom lenço em seda, uma mala clássica e uns sapatos de uma cor surpreendente, são o suficiente para asseguar uma Primavera cheia de inspirações!

 

Maria João Rafael

Consultora de Imagem

Créditos: Google Images; Urstyle; Pintrest.

24,885 total views, 108 views today

Redes Sociais - Comentários

Tags

Ver também

Close
Back to top button
Close
Close